Novidades da Editora Novo Conceito



Oi gente! Quero contar pra vocês um pouco das novidades da Novo Conceito!
Tem muita coisa boa vindo por ai e acho que vocês vão curtir!
 Já é sucesso!




"Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa. Nunca saí em toda minha vida. As únicas pessoas que já vi foram minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostumada com minha vida até o dia que ele chegou. Olho pela minha janela para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre."
 Será sucesso!


Alyssa está tentando entrar novamente no País das Maravilhas. Os portais para o reino se fecharam, não sem antes levarem sua mãe. Jeb e Morfeu estão presos em Qualquer Outro Lugar, reino em que intraterrenos expulsos do País das Maravilhas estão vivendo.
Para resgatá-los, ela precisa recorrer à ajuda de seu pai. Juntos, eles iniciam uma missão quase impossível para tentar resgatar entes queridos, restaurar o equilíbrio dos reinos e o lugar dela como Rainha.
Alyssa precisa lutar não só com a Rainha Vermelha, um espírito malicioso que tem a intenção de refazer o País das Maravilhas à própria imagem, mas também reconstruir seu relacionamento com Jeb, o mortal que ela ama, e Morfeu, o ser fantástico que também reivindica seu coração.
E, se todos tiverem sucesso e saírem vivos, eles poderão finalmente ter o felizes para sempre .

Em e-book


Em QUANDO EU ERA JOE, Ty presenciou um crime bárbaro e foi incluído no programa de proteção à testemunha. De uma hora para outra, ele e sua mãe, Nick, se viram obrigados a se mudar para um lugar distante, usando identidades falsas e vivendo uma vida que não era a deles.

Agora os dois moram muito longe da cena do crime, e a tranquilidade os faz pensar que os bandidos ficaram para trás. Um atentado sangrento, porém, dispara o alerta de que o perigo está mais próximo do que ele imagina. Ty e Nick perderam a fé até mesmo nos policiais.
Com um temperamento explosivo e o caráter ainda em formação, tomando mais decisões erradas do que certas, Ty sofre, também, por não conseguir se conectar com a sua antiga vida.
O ritmo de QUASE VERDADE é vertiginoso. Você não será capaz de largar este livro antes de chegar ao fim!
 


Resenha Um herói para ela




Um herói para ela
Lu Piras
Novo Conceito
Selo Novas Páginas, 2014
Sinopse: Bianca sempre quis ser roteirista de cinema. Para realizar seu sonho, ela sai do Brasil para estudar na famosa New York Film Academy.
Em meio às emoções da nova vida na Big Apple, um rapaz misterioso
acaba salvando a vida de Bianca em duas situações diferentes. Tudo o que ela
sabe é que o seu herói tem no braço uma misteriosa tatuagem.
Sem pistas sobre o seu protetor, ela é convidada para um show da banda
The Masquerades, cujos componentes escondem os rostos atrás de máscaras.
Uma rosa branca cai sobre o seu colo, arremessada pelo vocalista.
Decidida a desvendar a identidade do mascarado, Bianca invade o camarim
da banda. A surpresa que a aguarda por trás daquela porta poderá mudar o
seu destino.

“Ao contrário do que acontece na vida real, o script define tudo o que vai acontecer e um filme. Por isso, o roterista deve sempre saber como uma história termina. Bem que Bianca gostaria, mas sua vida não era um filme. E o script... não era ela quem escrevia.” p. 82

Bianca é jovem, bonita, mas frustrada profissionalmente. A carreira como advogada não é pra ela, seu sonho é ser roterista de cinema, escrever lindas tramas e finais felizes. Embora esse seja o seu sonho e maior desejo ela passa os dias enfurnada em um escritório de advocacia, arquivando casos e fugindo das mãos salientes de seu chefe.
Enquanto passa as madrugadas escrevendo, Bianca aproveita para sonhar com um príncipe... que ainda não chegou, aliás ela parece estar conhecendo apenas sapos egoístas. Afundada em um tipo de autodestruição seus pais tomam as rédeas da situação e a escrevem em um programa de bolsas para roteristas em New York, como o detsino é bem bonzinho eis que ela foi selecionada!

“O passado é história, o futuro é mistério... E o agora é uma dádiva, por isso se chama presente.” p. 280

Começar esse livro não foi nada fácil, eu estava em meio a uma das piores ressacas literárias de todos os tempos, comecei e larguei vários livros e eis que a bela capa de “Um herói para ela” me chamou a atenção e embarquei na leitura. Bianca não colaborou muito para a minha leitura, extremamente mimadinha a garota é um poço de chatice, desvalorizada por si mesma e nesse ping pong de ser feliz ou infeliz me cansou logo nas primeiras páginas, mas como estava decidida a ler um livro até o final encarei.
Quando Bianca chega a New York as coisas melhoram um pouco, para ela e para mim enquanto leitora. A trama ganhou mais impulsão e personagens decisivos como as colegas de quarto Mônica e Nataly  e os charmosos Salvatore e Paul, cada qual misterioso ao seu jeito.
Enquanto Paul luta para conquistar a confiança de Bianca na universidade, mostrando-se um verdadeiro príncipe. Salvatore, com seus mistérios, esta longe de ser uma boa escolha e caberá a nossa protagonista desvendar as máscaras que cercam essas pessoas que de forma tão decisiva cruzaram a sua vida.
É a hora de descobrir quem é o herói e quem é o anti-herói!
O meio da história é incrível, é onde a trama cresce e que os personagens amadurecem, as páginas fluíram rápido e foram momentos agradáveis de leitura. Quando cheguei ao final, confesso que me decepcionei, Lu fantasiou demais a meu ver, ela quis que o leitor terminasse seu livro com um “UAU” gigantesco, mas para mim só foi uma sucessão de fatos tão improváveis que só empobreceram a trama.
Entendam, eu sei que é ficção e faz de conta essa história, mas qual é! Eu quero ler algo que me faça suspirar pensando que poderia ser real e não encontrei isso em “Um herói para ela”, me deu realmente a impressão de receita, onde você coloca mil ingredientes e se esquece do principal que é dar vida a sua história, é fazê-la de alguma forma real. Infelizmente não encontrei isso na história.
Sinto muito, mas no geral não foi uma leitura boa. Fica aqui meu lamento pela história de capa tão bonita e diagramação tão caprichada não terem conseguido me cativar na altura de minhas expectativas, espero que quem já leu tenha melhores opiniões e quem ainda não leu, leia e volte aqui para podermos debater.

Resenha Doutor Delícia



Doutor Delícia
 Doctor's Delight
Angela Verdenius
E-book, 2016

Sinopse: O que faz uma virgem plus size de 35 anos quando decide perder a virgindade e experimentar, por apenas uma noite, como é ser desejável? Ela se deixa ser convencida a contratar um acompanhante. Infelizmente, um erro de identidade a coloca na cama de um médico bonitão, e agora as coisas estão saindo de controle!



Cherry é uma dedicada enfermeira que se enquadra no perfil de um plus size e que ainda não encontrou seu príncipe. Aos 35 anos, sem nunca ouvir eu te amo, ou ter uma noite de prazer ela decide por insistência de suas melhores amiga contratar um garoto de programa que lhe mostre os prazeres da cama e assim sanar parte de seus problemas e traumas, apesar de refutar a ideia logo de cara, depois ela percebe essa pode ser a sua única oportunidade de se sentir mulher.
Contato feito e com dia e hora para perder a virgindade, Cherry se vê em um turbilhão de sensações quando descobre que o homem com quem passou uma maravilhosa noite de sexo não foi o garoto de programa selecionado pela agencia de acompanhantes, mas sim um verdadeiro estranho, ou talvez, não tão estranho assim, afinal ela descobre que seu garanhão de uma noite só é ninguém menos que o doutor Reed, o novo médico do hospital em que ela trabalha... mundo pequeno.
Rick Reed esta em busca da sua Cinderela, depois de uma magia noite a mulher simplesmente desapareceu e ele se viu em meio a uma grande confusão! O quarto do hotel não era o seu, e de repente as peças de um quebra-cabeça se misturaram.
Mas quem disse que ele não reconheceria as curvas de sua Cinderela?
Angela apostou em um enredo que rompe com estereótipos e é diferente de tudo que já vi, primeiro nunca havia lido uma história com uma personagem gordinha e que permanece gordinha do começo ao fim, pois em algumas fanfics, principalmente, a personagem muda seu visual e seu corpo para conquistar seu par ideal. No caso de “Doutor Delícia”, Cherry precisa aprender a se aceitar como ela é e compreender que as pessoas gostarão dela como ela é, simples assim. O que não será uma tarefa fácil, pois ela já viveu na pele preconceitos que minaram não só a sua relação com o corpo, mas também minou a sua autoestima.
Outro ponto que a autora foca e que me agradou é trazer a mulher fora de um padrão estereotipado e fixo de beleza, Cherry tem curvas, inseguranças e as temidas celulites como toda a mulher, então ela esta mais próxima da realidade do que uma magra, alta, loira de olhos claros, milimetricamente planejada. E contra todos os padrões já vistos é logo o médico bonitão e sarado que se apaixonada pela “gordinha desajeitada”, mostrando que amor vai além das aparências.
O livro é publicado em formato de e-book, eu o conheci la no blog da minha querida Suelen Mattos, que foi onde li a resenha desse livro e me apaixonei. Como não leio em inglês, consegui uma versão traduzida, que foi bom e um pouquinho ruim ao mesmo tempo. Foi bom porque consegui ler o livro e matar a minha curiosidade, o lado chato é que apesar da tradução cuidadosa alguns erros de concordância e de interpretação causaram alguns momentos de estranheza, nada que prejudique a compreensão e a leitura, mas que faz parte no processo de resenhar salientar.
Como já disse o livro é em e-book e quem me conhece sabe que tenho certas dificuldades com o formato, pois não estou tão habituada, recentemente passei por uma ressaca literária daquelas e isso acabou prejudicando um pouco o desenvolvimento da minha leitura, que tornou-se mais longa e arrastada do que a história é, como já disse, foi um problema meu o desenvolvimento da leitura, pois a trama além de agradável, mantêm traços de leveza pela sua sensualidade e humor.
O livro faz parte de uma trilogia, eu pretendo sim ler os outros dois livros, não tão já, mas em breve terão novidades dos romances de Angela aqui no blog, pois ela é uma autora que conseguiu chamar minha atenção e conquistar-me pelo seu jeito irreverente de escrever.
 

felicidade em livros 2013 - 2015 * Template by Ipietoon Cute Blog Design Modificado por Fabiana Correa